EXPOSIÇÃO E ATIVIDADES MARCAM O DIA DA ONÇA NESTE DOMINGO (1) EXPOSIÇÃO E ATIVIDADES MARCAM O DIA DA ONÇA NESTE DOMINGO (1) 11 >
}


PORTAL
TRANSPARÊNCIA

PORTAL
SERVIDOR

PORTAL
SAÚDE
WhatsApp

Data | Hora de publicação: 02/12/2019 | 14:53:47

EXPOSIÇÃO E ATIVIDADES MARCAM O DIA DA ONÇA NESTE DOMINGO (1)

Ação acontecerá na Praça da Paz, em meio a feirinha da Avenida JK, das 9h às 12 horas




A Praça da Paz recebe neste domingo (1º), das 9h às 12 horas, uma exposição alusiva ao Dia Nacional da Onça, comemorado oficialmente em 29 de novembro. O intuito é unir esforços em ações de divulgação sobre a importância ecológica, econômica e cultural desta espécie que se tornou símbolo da conservação da biodiversidade de nosso país.

Também estão programadas exibição de vídeos, brincadeiras, pinturas de rosto para as crianças e divulgação de material informativo. As comemorações são promovidas pelo Parque Nacional do Iguaçu, CENAP/ICMBio, Grupo Cataratas e Instituto Conhecer Para Conservar com apoio da Prefeitura Municipal de Foz do Iguaçu. Além de comemorar o dia da onça, também será anunciado o resultado do Censo Binacional de 2018. 

Censo
Nos últimos 10 anos Brasil e Argentina trabalharam juntos monitorando a flutuação da população de onças-pintadas da região através de censos bianuais. Na década de 90 a população de onças-pintadas na região teve uma drástica redução, chegando próxima da extinção local. A situação foi aos poucos melhorando, com um intenso trabalho cooperativo de pesquisa, engajamento e fiscalização. 

Houve um salto de uma população efetiva estimada em 50 indivíduos em 2008 para 90 indivíduos em 2016 no Norte do Corredor Verde. O Onças do Iguaçu, projeto institucional do Parque Nacional do Iguaçu, e o Proyecto Yaguareté (Argentina) trabalham em uma parceria linda e produtiva pela conservação das onças-pintadas na região. Toda a Mata Atlântica abriga apenas cerca de 250 onças-pintadas. 

A realização do sonho de festejar e atrair atenção especial para a espécie em uma data comemorativa foi concretizada a partir da Portaria MMA n° 8 de 16 de outubro de 2018. O CENAP/ICMBio (Centro Nacional de Pesquisa e Conservação de Mamíferos Carnívoros) e o Projeto Onças do Iguaçu trabalharam junto com o Ministério do Meio Ambiente para que isso acontecesse.