16 >
}


PORTAL
TRANSPARÊNCIA

PORTAL
SERVIDOR

PORTAL
SAÚDE

PROGRAMA “VIDA NO TRÂNSITO”

A Semana Municipal de Prevenção e Combate à Violência de Acidentes no Trânsito teve inicio no domingo(25) com a participação de familiares de vítimas de acidentes de trânsito que realizaram o plantio de Rosas no Campo do Amor Eterno.

A semana segue com atividades especiais com alunos dos colégios Tancredo de Almeida Neves e Jorge Schimmelpfeng e palestras educativas. Coordenada pelo Foztrans, a campanha tem apoio de representantes de órgãos municipais, estaduais e federais, dos Centros de Formação de Condutores, Entidades de Ensino, órgãos de segurança como a Guarda Municipal e Polícia Militar, e Movimento Cidade Unida.

Na tarde desta terça feira (27) no Auditório da Guarda Municipal foi realizada a Assinatura Simbólica do Decreto de Nomeação dos membros do Programa Vida no Trânsito.

Este programa tem o objetivo de Fortalecer as políticas de prevenção de lesões e mortes no trânsito por meio da qualificação, planejamento, monitoramento, acompanhamento e avaliação das ações.

“É um avanço, um desafio e um grande apoio para a sociedade iguaçuense, é o reforço que a gente precisava para que as ações aconteçam de fato”, relata Gilberto Ivan dos Santos coordenador do Movimento “Cidade Unida Salvando Vidas”

O “Vida no Trânsito” realiza um trabalho educativo de prevenção para reduzir o número de acidentes de trânsito. E para isso, conta com a parceria do Ministério da Saúde e Organização Pan-americana de Saúde (OPAS/OMS no Brasil).

Esse programa reduziu em alguns países na Europa até 70% das vitimas do trânsito.

No Brasil foi instalado em cinco capitais como cidade piloto com grande resultado.

Foz do Iguaçu é a primeira cidade que fora eixo Curitiba que esta recebendo o programa.

“Acreditamos que essa política de caráter continuado que assinamos e tem o compromisso de manter e preservar esta campanha irá contribuir para a redução de acidentes. Estamos observando que em 2013 já ouve uma diminuição de aproximadamente 10% das vítimas de trânsito e queremos que com essa política continuada compromisso que assumimos junto com o Ministério da Saúde e também ao Ministério da Justiça, sejam minimizados ainda mais os acidentes de trânsito em Foz do Iguaçu”, enfatizou Reni.

O enfermeiro do Samu e coordenador da comissão, Marcelo Lima de Leite explica que o trabalho inicial será atualizar os dados para saber onde estão os principais pontos e as características dos acidentes, para logo após lançar os projetos em cima dos pontos específicos com o objetivo de reduzir o número de óbitos e acidentes de trânsito.